Moedas virtuais e a Internet das Coisas devem marcar 2018

Victor Lima / Yahoo Notícias

Após um 2017 repleto de novidades tecnológicas, 2018 surge como um ano extremamente promissor para a consolidação dessas novas tecnologias no mercado. Veja o que deve bombar no mundo tech em 2018.

Criptomoedas

A Bitcoin foi a grande responsável pelo ‘boom’ das criptomoedas em 2017, chegando a custar R$ 69 mil no dia 16 de dezembro. No entanto, após atingir seu teto, a moeda começou a despencar. Mas como nem só de Bitcoins vivem as moedas virtuais, alguns outros nomes como Ethereum e a IOTA prometem continuar evoluindo.

Blockchain

Esta tecnologia esteve muito em voga em 2017 justamente por conta da Bitcoin, uma vez que é o blockchain que garante que todas as transações feitas na rede são reais. Sua forma de descentralizar dados em códigos abertos de forma criptografada aumenta ainda mais a segurança. Grandes empresas já estão de olho nesta tecnologia e em novas maneiras de usá-la.

IoT

A Internet das Coisas é basicamente dar inteligência a aparelhos eletrônicos através de uma rede. Com ela, sua geladeira, por exemplo, poderia te avisar quando os alimentos estão vencendo ou quando algo está acabando. Esta é, sem dúvidas, uma das grandes apostas para este ano.

Realidade Virtual

Quem acha que realidade virtual é apenas coisa de nerd viciado em games precisa rever seus conceitos urgentemente. Estudantes da Universidade de San Francisco (UCSF), na Califórnia, estão utilizando um treinamento baseado em realidade virtual para explorar o corpo humano. A ideia é que eles possam ter uma noção mais completa das estruturas mais complexas que compõe nossos corpos.

Inteligência Artificial

A inteligência artificial viu os holofotes voltados para ela em 2017 e deve seguir desta mesma maneira em 2018. Com os sistemas cada vez mais inteligentes e muitos produtos que sairão do ambiente de testes direto para o mercado, podemos esperar um ano repleto de machine learning, aprendizado automático e por indução de um sistema, estando sempre em evolução.

Assistentes caseiras

Exemplo de Internet das Coisas, Google, Apple e Amazon já têm suas representantes quando assunto é assistência caseira. Este tipo de serviço deve expandir muito fora do Brasil em 2018. Por aqui temos alguns obstáculos para que esta tecnologia vingue, como a má qualidade da conexão, além de a língua ser um fator limitante e

termos em sua maioria produtos que não reconhecem o português.

Comandos de voz

Que atire a primeira pedra quem nunca ficou brincando com a Siri. Este tipo de serviço está longe de ser uma novidade, mas em 2018 a tendência é que ele fique melhor e ainda mais indispensável com recursos que devem depender apenas da voz para serem ativados.

Nuvem

A computação em nuvem já uma realidade, mas ela promete continuar revolucionando a maneira como armazenamos conteúdo. Isso porque 2018 pode ser o ano em que aplicativos e sua expansões já nasçam na nuvem, gerando mais economia de energia e preço, sem deixar a qualidade de lado.


moedalivre.ml

Moeda Livre é um blog sobre Economia Digital, editado pelo jornalista Rodini Netto (DRT-Pr 7294). As matérias assinadas e/ou reproduzidas não refletem, necessariamente, as opiniões do Moeda Livre. ////// Moeda Livre is a blog about Digital Economy, edited in portuguese by journalist Rodini Netto. The articles signed or reproduced do not necessarily reflect the opinions of Moeda Livre.

About moedalivre.ml

Moeda Livre é um blog sobre Economia Digital, editado pelo jornalista Rodini Netto (DRT-Pr 7294). As matérias assinadas e/ou reproduzidas não refletem, necessariamente, as opiniões do Moeda Livre. ////// Moeda Livre is a blog about Digital Economy, edited in portuguese by journalist Rodini Netto. The articles signed or reproduced do not necessarily reflect the opinions of Moeda Livre.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *